quarta-feira, 16 de junho de 2010

Filosofia Oriental

Perto de Tóquio vivia um grande samurai, já idoso, que agora dedicava-se a ensinar sua filosofia para os jovens. Apesar de sua idade, corria a lenda que ele ainda era capaz de derrotar qualquer adversário.

Certa tarde, um guerreiro conhecido por sua total falta de escrúpulos apareceu por ali . Era famoso por utilizar a técnica da provocação: esperava que seu adversário fizesse o primeiro movimento e, dotado de uma inteligência privilegiada para reparar os erros cometidos contra-atacava com velocidade fulminante.

O jovem e impaciente guerreiro jamais havia perdido uma luta. E, conhecendo a reputação do velho samurai, estava ali para derrotá-lo, aumentando sua fama de vencedor.

Todos os estudantes manifestaram-se contra a idéia, mas o velho aceitou o desafio. Foram todos para a praça da cidade, e o jovem começou a insultar o velho mestre. Chutou algumas pedras em sua direção, cuspiu em seu rosto, gritou todos os insultos conhecidos - ofendeu inclusive seus ancestrais.Durante horas fez tudo para provocá-lo, mas o velho mestre permaneceu impassível.

No final da tarde, sentindo-se já exausto e humilhado, o impetuoso guerreiro retirou-se. Desapontados pelo fato do mestre ter aceito tantos insultos e provocações,os alunos perguntaram: "Como o senhor pode suportar tanta indignidade ? Por que não usou sua espada, mesmo sabendo que podia perder a luta, ao invés de mostrar-se covarde diante de todos nós?"

"Se alguém chega até você com um presente, e você não o aceita, a quem pertence o presente?" - perguntou o velho samurai. "A quem tentou entregá-lo"- respondeu um dos discípulos.

"O mesmo vale para a inveja, a raiva, e os insultos" - disse o mestre - "Quando não são aceitos, continuam pertencendo a quem os carrega consigo."

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Funcionário cachorro e funcionário gato!!

Provérbios Árabes


"Quem ocupa o poder tem metade das pessoas contra si... isto, se ele for justo."

"Deus, que é eterno, faz com que cada um tenha o seu dia."

"Quem estuda e não pratica o que aprendeu é como o homem que lavra e não semeia."

"Tudo o que acontece uma vez pode nunca mais acontecer, mas tudo o que acontece duas vezes, acontecerá certamente uma terceira."

"Adversidades são grandes oportunidades."

"Todo homem é mais parecido com sua época do que com seu pai."

"Come verdes os teus frutos, antes que o ladrão os roube maduros."

"Nunca se justifique, porque os amigos não precisam, os inimigos não acreditam."

"Ele procura mel no traseiro da vespa."

"Mais vale ser cego dos olhos do que do coração."

"Vender e arrepender-se é melhor do que não vender e se arrepender."

"A árvore quando está sendo cortada observa com tristeza que o cabo do machado é de madeira."

"Alimenta teu cão e ele guardará tua casa; faze jejuar teu gato e ele te comerá os ratos."

"Quem quer ficar bêbado não fica contando os copos."

"Não gaste duas palavras se uma única basta."

"Enquanto não tiveres conhecido o inferno, o paraíso não será bastante bom para ti."

"- Caíste sozinho ou foi o camelo que te arremessou? - Tanto faz: o fato é que eu caí."

"A repetição deixa sua marca até nas pedras."

"Só sacia sua sede quem bebe pela própria mão."

"O mar brigou com o vento e quem virou... foi a barquinha."

"Por causa da rosa, a erva daninha acaba sendo regada."

"Louco é o viajante que quer construir uma casa no caminho."

"Não pressiones demais o covarde que ele vira valente."

"Achaste mel, come o que te basta."

"- Teu moinho gira para a direita ou para a esquerda?, - Sei lá, o importante é que ele me dá farinha!"

"Pela repetição, até o asno aprende."

"Pai dele, alho; mãe, cebola. Como pode ele cheirar bem?"

"É como a peregrinação a Meca: quem diz que é fácil, blasfema; quem diz que é trabalhosa, blasfema."

"- De que filho a senhora gosta mais? - Do pequeno, até que cresça; do ausente, até que volte; do doente, até que sare."

"Fez do lobo o guardião das ovelhas."

"Com a mentira se consegue o almoço, mas não o jantar."

"Não aconselhes o tolo: em qualquer caso ele te culpará depois."

"Se há muitos comandantes, o navio afunda."

"Ele joga a pedra e depois diz: - É o destino."

"Defeito que agrada o sultão, vira virtude."

"Eu já falei que é boi, mas ele insiste em querer ordenhar..."

"Muro baixo, o povo pula."

"Plantamos o "se", nasceu o "eu gostaria"..."

"Não dá trela ao desocupado: ele fará de ti a sua ocupação."

"Janta-o antes que ele te almoce."

"- Corvo, roubar sabão? Para quê? - Roubar é da minha natureza."

"A palavra é o aroma do homem."

"Só a tua unha é capaz de te coçar direito."

"Tema quem não teme a Deus."

"(Tão pobre que...) As formigas saíram da cozinha dele com fome."

"Com um bom conselho, antigamente ganhava-se um camelo; hoje, a inimizade..."

"Não comas o pão servido por alguém que depois irá te lembrar da oferta."

"Cada um tem o seu dia! Ó adversidade, tu também terás o teu!"

"Lar, doce lar..., que escondes todos os meus defeitos!"

"Antes de examinar a casa (para comprar), examina os vizinhos."

"Limpa tua casa, pois não sabes quem baterá à tua porta; lava teu rosto, pois não sabes quem o beijará."

"Um rosto sorridente é melhor até do que a hospitalidade."

Desafios para o empoderamento das mulheres são discutidos na Câmara

Desafios para o empoderamento das mulheres são discutidos na Câmara DA REDAÇÃO O preconceito – discreto, muitas vezes – é ainda um d...