segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Vendedor e Vencedor

Uma das formas mais fáceis de se atingir sucesso é ter muito prazer naquilo que fazemos.

Já foi o tempo em que ser Vendedor era sinonimo de uma atividade menor ou secundária, na qual apenas estavam pessoas com fracas capacidades ou desempregadas. Diziam até que "quem não sabe fazer mais nada ou não tinha qualificações tornava-se um Vendedor".

Atualmente o Vendedor assume um posicionamento próprio e diferenciado no mercado de trabalho. Especializaram o ramo em que trabalham, e recorrem a formação específica onde adquirem competências que vão desde o estudo e treino de técnicas próprias, até à utilização de meios e recursos altamente complexos e variados.

Os Vendedores de alto rendimento tem ainda a preocupação de treinar e melhorar as suas competências relacionais. As atitudes e comportamentos diferenciados e ajustados a um bom atendimento, são os fatores mais decisivos para o sucesso de um Vendedor e estão definitivamente associados ao perfil requerido para esta profissão.

Desta forma, somos atualmente confrontados com uma nova geração de Vendedores. Tratam-se de profissionais altamente motivados, muito bem preparados e com níveis de rendimentos muito acima da média. São especialistas com uma postura e atitude altamente positivas, com uma fortíssima capacidade de resiliência e bastante persistentes e focados em alcançar as suas metas.

O elevado nível de desempenho destes profissionais é determinado por um conjunto de características diferenciadoras, entre as quais se destacam:


*
Autonomia, ou seja, uma maior liberdade de ação no desempenho das suas funções. Um Super-Vendedor gosta e sabe ser autonomo no seu dia-a-dia, não necessitando de controle ou apoio permanente.


*
Elevados ganhos - apesar de não ser o único elemento motivador, a maioria dos Vendedores vê esta questão como o fator de atratividade da profissão, pois normalmente é uma atividade comissionada (ou pelo menos em parte). Assim sendo, o vendedor é quem faz o seu ordenado, ou seja, quanto mais vende mais ganha.


*
Desafios constantes - Para quem é acomodado e não gosta de percalços, ser vendedor não é a atividade ideal. É própria para quem tem um espírito desafiador, dinâmico e gosta de superar obstáculos.


*
Network - A própria atividade propicia a oportunidade de uma extensa rede de relacionamentos, úteis em todos os sentidos.


*
Atividade externa - Para quem gosta de fazer visitas, de "estar fora” e de se relacionar com os outros, esta é atividade ideal. Se a sua vocação é ficar no escritório, sentado atrás de uma secretária, esta também não é a sua profissão.


*
Evolução constante - A cada dia, a cada contato, a cada visita, a cada venda efetuada ou a cada não recebido, há uma experiência que permite um amadurecimento e aprendizagem constante. De igual forma contribuem para esta evolução as conversas com clientes, os assuntos mundanos, as histórias que ouve e presencia e todos os aspectos ligados ao relacionamento regular com outras pessoas.


Resumindo... Os bons vendedores têm todas estas caracteristicas e ainda outras que poderão ser distintivas dos respectivos desempenhos. Sim.. porque a originalidade associada a todas as outras caracteristica fará com certeza toda a diferença. E os vendedores de excelência orgulham-se de ser de fato diferentes...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prêmio Estilo Mulher 2017

O Prêmio Estilo Mulher foi  idealizado pela querida Darci Martins da TV Tudo Web que já vem realizando este prêmio há cinco anos eng...